sexta-feira, maio 27, 2005

Quietude

Silencio...


Oh, a mais bela das melodias, com seu acorde único e tão subjetivo. O que seria do som se não fosse o silêncio? Este é o artista: dentro daquele amontoado de complexos sonoros, ele molda e o transformam na mais bela harmonia. Pena que o este é dado um papel secundário, quando não é completamente desdenhado.


Vivemos num mundo tão barulhento, tão poluído,que o silencio é como um grande refletor aos nossos olhos: incômodo. Estranhamos quando o outro esta silencioso, achamos logo que não está bem. Engraçado, a quietude sempre leva esse rótulo de tristeza ou apatia, talvez seja pelo fato das pessoas não saberem escutar o silêncio.Talvez não.


Eu gosto do silêncio. Traz-me paz, calma, serenidade. Eleva meu espírito a um estado indescritível.Também gosto do som: alegra minha alma, me desperta, alinda. Mas deste dois, eu prefiro ao primeiro. Uma das primeiras lições que tive na escola de música, e que todos devem saber, é que saber respeitar a pausa. Pausa é igual ao silencio, instante de profunda concentração, contudo, instante de relaxamento frente à tensão das notas que foram e que serão tocadas.


Sou um homem que fala muito. E põe muito nisso. Falo alto (recebo diversas reclamações por isso), gesticulo mais ainda. Sou desastrado, hiperativo, falo pelos cotovelos, às vezes falo o que não devo.Preciso ainda ser mais diplomático, ter menos papas na língua, amadurecer o vocabulário.Mas sei me calar. E faço isso com tanta naturalidade, com tanta espontaneidade, que aos outros parece anormal. É como se eles nunca esperassem isso de mim.


O silencio é meu amigo, um dos melhores, inclusive. Conviver com ele não é nada fácil: sua sinceridade chega a ser inconveniente e constrangedora. Não consigo mentir nem enganá-lo, tampouco omitir algum fato ou detalhe a ele. Parece que ele tudo sabe, me escuta como se já tivesse escutado aquela história outras vezes, mas mesmo assim está ali, do meu lado, sem parecer cansado. A cada dia tento aprender a saber tirar mais proveito dessa união.Tem dias, e ultimamente bem recorrentes, que a minha vontade é ficar quietinho, de preferência quase que imperceptível, só escutando os outros, sem julgar, sem criticar, só escutar, envoltos em meus pensamentos, conversando com o meu silêncio.


Mas este não é sinônimo de solidão, tampouco, sinônimo de parceria. Não é nem um, nem o outro, é apenas silêncio. Também não se resume a falta de som. Cada um tem que achar seu silêncio, aquele que foi feito para você. Isso demanda tempo, paciência, interesse. Como tudo tem seus prós, assim como seus contras.

Meu silencio é bem barulhento: numa casa onde você não é o único, nem o “dono da bola”, pouco se pode fazer a não ser encontrar outros “silêncios”. O meu tem como nome Jazz: adoro todos, ou quase todos estilos de musica (acho engraçado o forro de duplo sentido mas ainda não suporto o sertanejo), escuto-os quase que 24 horas, todavia, quando estou escutando jazz, eu não estou nesse plano, na verdade não estou em plano algum. Estou dentro da harmonia, navegando sobre as notas, procurando as pausas, buscando o inexplicável, uma endorfina viciante. As vezes, um violão do lado (um dia terei um piano de calda), alguns acordes, mas, no fim, a busca é a mesma: o silencio.

Pensar em nada especificamente, mas ficar submerso a tudo que vem a mente. Resolver algumas duvidas, criar outras tantas, deixar algumas pela metade. Não ter compromisso com nada, e amadurecer com isso. Pois, no nosso idealismo juvenil, cremos que podemos mudar o rumo da onda. Nessas horas, vale a máxima do surf: surfe, apenas
Surfe.


Equilíbrio...


É como esse texto aqui, que não tem lógica, nem fim. São apenas pensamentos, traduções de conversas com meu silêncio


Devaneios...

8 comentários:

nayara disse...

silência é mesmo muito bom! tenho uma amiga que sempr que me vê quietinha e pensativa ela já fala: "que foi ná?", como se eu tivesse triste. é engraçado isso, realmente.

Bia disse...

Me sinto assim as vezes, adorei esse texto, parabens
t dolu mto..
fui.

Anônimo disse...

Me amarrei no texto,me fez refletir.sabe,também gosto de curtir um isolamento às vezes,ficar só eu ,deus e meus pensamentos mas tenho uma amiga que também é minha vizinha q ñ m deixa em paz .Vive na minha casa e s duvidar quer ir comigo até ao banheiro.Ninguém merece isso.ñ pense q eu ñ gosto dela,na verdade eu a amo muito mas às vezes me sinto invadida,às vezes tudo q quero é ficar sozinha...

Ana Raquel disse...

oi....tava passando e achei esse end... achei mto interessante, apesar de eu ser mais no estilo humor eu sempre gosto de olhar coisas que tragam um pouco de cultura ao inves de apenas risos.
Achei engracado o que vc escreveu no seu perfil...
E acharia bem legal se vc desse uma passada no meu blog....
Mas jah va sabendo, que textos serios sao muito raros no meu blog...

Ana Raquel disse...

Oiii...eh a Ana Raquel de novo..... é que acabei de ler o post logo abaixo sobre amizade(sobre amigos e colegas)......eh realmente lindo...e eu concordo com vc em absolutamente tudo o que vc disse.....e acho que vc naum deve ser dificil de lidar, os outros é que sao.... vc apenas procura a mesma coisa q eu q muitas outras pessoas: amigos de verdade....eh uma coisa que infelizmente naum posso dizer com total certeza que tenho, pois tenho dificuldades de confiar em pessoas que naum me dao muitos motivos pra isso....mas sei que tenho com quem contar se precisar...e tenho certeza q eles sabem que podem contar comigo....
Naum equece de passar no meu blog e deixar um recadinho pra mim viu?!

Ana Raquel disse...

Oiii...eh a Ana Raquel de novo..... é que acabei de ler o post logo abaixo sobre amizade(sobre amigos e colegas)......eh realmente lindo...e eu concordo com vc em absolutamente tudo o que vc disse.....e acho que vc naum deve ser dificil de lidar, os outros é que sao.... vc apenas procura a mesma coisa q eu q muitas outras pessoas: amigos de verdade....eh uma coisa que infelizmente naum posso dizer com total certeza que tenho, pois tenho dificuldades de confiar em pessoas que naum me dao muitos motivos pra isso....mas sei que tenho com quem contar se precisar...e tenho certeza q eles sabem que podem contar comigo....
Naum equece de passar no meu blog e deixar um recadinho pra mim viu?!

Anônimo disse...

ah e c vc naum sab qm eh a pessoa do otro comentario...........
so eu isabel da 8ª!!!
fui

Anônimo disse...

obs. eu so lora e inves d manda publica eu botei visualiza..........
entaum resumindo......
t adoro mtu.........
e vc eh loko pakas............
seu blog eh mtu xow!!!
bjinhux
fui!!!!